Ambos não estavam nos planos um do outro... e ainda assim foi incrível... Mas acabaram por se afastar, uma pena... Um desperdício de corações, de sensações, de amores e de ilusões.

Mas olha,  ela ainda sonha com ele... e ele ainda pensa nela.

 

Fiquei um bom tempo afastada do blog por causa do amor..... Ah o amor! Tanto já foi escrito sobre ele...

O amor nesses dois anos me ensinou muito, hoje concordo que o amor é uma dor, que amar é saber deixar alguém de amar, que amar é renunciar, que amar é dividir, que amar é somar, se doar, se entregar, que amar é fazer alguém feliz, é rir, é chorar, é sentir saudades, é querer ta junto e naqueles dias que tudo parece  estar dando errado sentir aquele abraço que te faz esquecer tudo.

Amar é saber que o outro tem defeito sim, mas que suas qualidades superam.

Amar é aceitar o outro como ele é e não como vc gostaria que ele fosse.

Mas quem sou eu pra falar de amor?? Estou aprendendo ainda, estou sofrendo porque ele diz que não sabe se ama mais... que sou maravilhosa, especial, mas não sabe se quer ficar comigo.

O amor é paciente, tudo sofre tudo crê e tudo suporta. Mas vai dizer isso pro meu coração, que é ansioso, imediatista....

Foram dois anos de idas e voltas com mais dias felizes do que tristes.

E o meu coração diz que ainda não acabou, que o final dessa história não é esse...

 

“Você dividiu comigo a sua história e me ajudou a construir a minha, hoje mais do que nunca somos dois a nossa libertade é o que nos prende. Viva todo seu mundo, sinta toda liberdade e quando a hora chegar volta que o nosso amor está acima das coisas desse mundo”

 

 

 

DESABAFO

Sabe?... Eu tenho esperança todo o tempo, pois já não sei até que ponto posso perder você.. Difícil é descrever o que sinto, você me faz feliz e triste, é meu amor e meu ódio, mas a maior parte do tempo você é minha ilusão..
E realmente! Eu já não sei mais o que é de verdade em você, nunca mais ouvi nada, nunca mais senti nada. Você me acende e me apaga mesmo estando longe de mim, me desespera, me conforta e depois me desespera de novo e me perco sem saber qual é o fim.
Difícil é saber como parar.. Como posso evitar se eu já sei que te amo?
Eu luto sim, e não sei se estou me humilhando.
Quem liga? Quando se ama tudo o que importa é conseguir o que quer, ser feliz com quem quer, e é mais gostoso quando se olha pra trás e sabe quão grande e desgastante foi o caminho que percorreu pra chegar até aqui..
Mas não se esqueça, posso demorar pra desistir, porém se eu desisto não há tempo que me faça querer voltar."

Gostaria de passar por aqui com mais frequência....

Gostaria de fazer mais coisas que não tenho feito...

Mas a tristeza me consome...

As lágrimas atrapalham minha visão...

Falta força até pra levantar da cama...

O consolo é que tudo passa...

Até mesmo essa dor...

Depois de um longo tempo distante estou de volta ao meu cantinho...

Ajuntando meus pedacinhos e recomeçando mais uma vez!!!

Então aguardem muitas confusões por aqui... (que novidade)...rs

 

Embora eu não possa viver minha vida de novo... viverei esta nova vida todos os dias!

Sei que nunca terei de volta os momentos que perdi. Mas, tenho o tempo que me resta...

Haverá momentos em que ainda é preciso sonhar!
Me fazer feliz e partir prá outra.

 

Beijos com saudades de todos!

Ando meio sumida daqui e do blog de muita gente...

Inicio de ano complicado. Se fosse pessimista diria que o azar grudou em mim ou que comecei o ano com o pé esquerdo...

Mas como acredito que tudo tem um propósito e que nada acontece por acaso vou dizer que o ano começou repleto de obstáculos, que aos poucos estou tentando superar, obstáculos, desafios... E por aí vai....

Mas essa frase de Leonardo Da Vince traduz um pouco do se passou:

“Sem atalhos mergulhei pelos caminhos do saber, conheci a inquietude, o descontentamento, mas também o fascínio irresistível do maravilhoso. Pequeno ante o grandioso, grande ante a pequenez do espírito e a pretensa força dos poderosos. De tudo procurei me aproximar, tangido pela atração do desconhecido, do irrealizado”

Detalhe: não me arrependo de nada....

Beijos a todos com muito carinho

 

Música que fala por mim nesse momento:

Os velhos olhos vermelhos voltaram
Dessa vez
Com o mundo nas costas 
E a cidade nos pés
Pra que sofrer se nada é pra sempre?
Pra que correr
Se nunca me vejo de frente

Parei de pensar e comecei a sentir
Nada como um dia após dia
Uma noite, um mês
Os velhos olhos vermelhos voltaram
De vez

Os velhos olhos vermelhos enganam
Sem querer
Parecem claros, frios, distantes
Não têm nada a perder
Por que se preocupar por tão pouco?
Por que chorar
Se amanhã tudo muda de novo?

Parei de pensar e comecei a sentir
Nada como um dia após dia
Uma noite, um mês
Os velhos olhos vermelhos voltaram de vez

Se fosse escrever algo hoje aqui não saberia por onde começar, o que dizer, que palavras usar...

O assunto seria algo triste, angustiante, depressivo.

Palavras como perda, saudades, decepção, frustração, angústia e solidão estariam no texto.

Na verdade sei exatamente o que gostaria de escrever aqui, de vomitar aqui, de GRITAR aqui....

Mas esse blog se tornou público demais.

Tenho um nó na minha garganta e um coração apertado...

Vontade de sumir ou de fazer todos desaparecerem.

A confusão voltou....

Um pouco de culpa me invade por saber que poderia ter evitado esse furacão de emoções se tivesse seguido a minha razão e não o burro do meu coração.

Estou com um sentimento de perda absurda, chega até doer...

Sonhos despedaçados...

E mesmo assim bem lá no fundinho, depois de um longo suspiro vem a minha mente a palavra esperança.

 

Obs: por favor digam o que quiser pelos comentários, mas não me liguem, nem mandem e-mails dizendo que estão preocupados

Vida
(Clarice Lispector)

Há momentos na vida em que sentimos tanto a
falta do passado, que o que mais queremos é sair
do sonho e voltar no tempo.
Sonho com aquilo que quero.
Sou o que quero ser, porque possuo apenas uma
vida e nela só tenho uma chance de fazer aquilo que quero.
Tenho felicidade bastante para fazê-la doce.
Dificuldades para fazê-la forte.
Tristeza para fazê-la humana.
E esperança suficiente para fazê-la feliz.
As pessoas mais felizes não têm as melhores coisas.
Elas sabem fazer o melhor das oportunidades
que aparecem em seus caminhos.
A felicidade aparece para aqueles que choram.
Para aqueles que se machucam.
Para aqueles que buscam e tentam sempre.
E para aqueles que reconhecem a importância
das pessoas que passam por suas vidas.
O futuro mais brilhante é baseado num passado
intensamente vivido.
Você só terá sucesso na vida quando perdoar
os erros e as decepções do passado.
A vida é curta, mas as emoções que podemos
deixar duram uma eternidade.
A vida não é de se brincar porque em um belo
dia "se morre".

QUERO DESEJAR UM FELIZ NATAL E UM ANO NOVO REPLETO DE REALIZAÇÕES A TODOS VOCÊS QUE FIZERAM PARTE DA MINHA VIDA ATRAVÉS DESSE BLOG NESSE ANO QUE JÁ ESTÁ ACABANDO. VOLTO O ANO QUE VEM COM MUITO MAIS CONFUSÕES....

BEIJOS CARINHOSOS A TODOS

 

Se conheceram de maneira não convencional

Se apaixonaram de maneira sobrenatural

Brigam como todo casal

Tinham sonhos reais

Medos e anseios presentes

Confiança, amizade, lealdade e amor

E mais do que tudo isso, tinham um ao outro

E contrariando a tudo e a todos, inclusive as suas próprias diferenças

Estavam muito felizes!

Lá está o futuro, não sabemos o que nos espera, que surpresas que estão por vir.

Não adianta pensar, nem se preocupar...

Você não pode resolver o que não aconteceu.

Por isso viva o aqui e o agora, faça as coisas acontecerem já.

O futuro se faz hoje...

O passado já se foi!

Não se prenda a coisas que já não existem e que não mais voltarão.

O passado é bom como referência.

Assim, cada dia será uma aventura, um desafio, uma experiência que sempre valerá a pena viver.

Texto extraído do livro A semente da vitória de Nuno Cobra, uma das boas leituras que fiz esse ano....

Beijos pra todos.

Indicação: Blog novo do Alex http://100gostos.zip.net (que já está entre os indicados da uol). Vale a pena ler..... não só esse como o Palavreando. Quem não conhece passa lá, tenho certeza que não vão se arrepender.

[ ver mensagens anteriores ]
Meu Perfil
BRASIL , Sudeste , Mulher , de 20 a 25 anos , Portuguese , Cinema e vídeo , Livros , música